News: Netflix vai adaptar mais uma história de Stephen King!

1922-b

Longos dias e belas noites Leitores Fiéis! Foi divulgado recentemente, pela revista semanal Entertainment Weekly, que a Netflix está trabalhando em uma nova adaptação baseada em um trabalho de Stephen King (já divulgamos aqui que Jogo Perigoso será o primeiro livro a ser adaptado por eles). Agora é a vez de 1922, conto presente no livro Escuridão Total Sem Estrelas (Full Dark No Stars no original), publicado lá fora em 2010 e no Brasil em 2015, pela editora Suma de Letras. O responsável pelo roteiro será Zak Hilditch (As Horas Finais) e o elenco já conta com Kaitlyn Bernard, Brian d’Arcy James, Neal McDonough e Dylan Schmid. A produção, que já está em andamento em Vancouver, no Canadá, conta ainda com Thomas Jane (Hung) e Molly Parker (House of Cards) nos papeis principais.

Na história, Wilfred James vive com seu filho e sua esposa, Arlette James, em uma fazenda em Hemingford Home, Nebrasca. Enquanto Wilfred é o típico fazendeiro esperançoso, que planeja prosperar com suas terras, sua esposa, Arlette, é o tipo de mulher sonhadora que não consegue imaginar seu futuro ao lado das vacas, porcos e demais animais da fazenda. Arlette é dona de 100 acres, ao lado dos 80 do marido e ela planeja vender a sua parte para uma companhia que planeja instalar ali uma de suas fábricas de produtos alimentícios. Wilfred se vê acoado pela esposa e acaba arquitetando um plano macabro que envolve mentiras e assassinato. Para isso, porém, ele precisará envenenar a mente de seu filho, de apenas 14 anos, para que possa ajudá-lo a levar a cabo seu plano macabro.

Particularmente falando, considero 1922 como um dos melhores trabalhos mais recentes de Stephen King. A narrativa em primeira pessoa é de uma densidade dramática sem igual e ao passo em que acompanhamos o desenvolvimento da história de Wilfred, é como se nos sentíssemos cumplices dos acontecimentos que vão se desenrolando (nada agradáveis, diga-se de passagem).

Sobre o livro: Com uma capa simples, mas de apelo visual bastante interessante (além da capa, as bordas das páginas também são completamente pretas), o livro, assim como As quatro estações, trata-se de uma compilação de quatro pequenas novelas que focam na temática da vingança, sendo que uma delas é 1922. Ainda que o aspecto “sobrenatural” apareça em algumas das histórias (seja de maneira sútil, como no próprio 1922 ou de forma mais explícita como em Extensão Justa), o foco principal das histórias é o lado humano, o que nós, como seres racionais, somos capazes de fazer se levados a níveis extremos. A Netflix é conhecida por criar ótimas séries e filmes dramáticos e creio que vão acertar em cheio com a adaptação de 1922.

Gostou da sinopse? Quer conferir a história? Adquira seu exemplar na Amazon clicando aqui!

Edilton Nunes

Edilton Nunes

Graduado em Letras pela UEG (Universidade Estadual de Goiás), viciado em literatura de terror/suspense, amante incondicional de séries e Hq´s e fã de carteirinha do mestre Steve há pelo menos 20 anos.

More Posts - Website - Twitter

You can skip to the end and leave a response. Pinging is currently not allowed.

Deixe seu comentário