Stephen King: Quais livros ler?

Longos dias e belas noites Pistoleiros! O post de hoje é do leitor José Augusto Panzarin, que colaborou anteriormente conosco na revisão da tradução da web-série “N” (mais detalhes aqui). Agora ele elaborou um texto bem interessante sobre uma possível ordem de leitura de Stephen King, levando em consideração as notas aplicadas por fãs que já leram boa parte das obras do mestre do terror moderno. Sem mais delongas, segue o texto do Zé:

Qual King Ler? – Uma análise estatística e temporal 

Pulando qualquer apresentação piegas do autor, vamos à sua obra. São mais de 70 livros, e muitos tem dificuldade em escolher quais livros ler e em que ordem, de modo a evitar spoilers e livros não tão bons.

Pensando nessas pessoas, eu, José Augusto Panzarin, decidi fazer uma pequena pesquisa de campo e descobrir, afinal, quais são os livros favoritos dos fãs do King. Abaixo, a metodologia usada, os resultados e, finalmente, as conclusões.

Primeiramente, devo dizer que pensei ser uma grande bobagem apenas fazer uma pesquisa aberta a qualquer um que estivesse disposto a participar, de modo a evitar vieses. Explico: Caso a votação fosse aberta a todos, os livros mais famosos muito provavelmente teriam uma nota distorcida para mais, afinal, leitores iniciantes são facilmente deslumbrados pelo estilo do autor e acabariam dando notas maiores aos poucos livros que leram. De modo a evitar tal injustiça, achei justo criar uma regra de numero mínimo de livros lidos aos votantes. Deste modo, nesta lista, nenhum votante leu menos do que 25 livros do king.

Além desta regra, estabeleci que, para que o livro fosse considerado na votação, teria de ter pelo menos três votantes, tornando a nota final relevante.

Antes dos resultados, agradeço a todos os amigos e colegas que participaram da votação: Lucas Ventura, Guilherme Bauer, Cher Lopes, Diego Ferreira, Renan Rossi, Lia Regius, Heitor Santos, Boni (dono da King of Maine), Edi (Dono da StephenKIng.com.br), Cristiane, Ellen, Eliane, Carol, Karina, Mauro e Caroline.

Sem mais delongas, os resultados.

Em ordem de pior para melhor, todos os livros do King lançados, até Joyland:

A Hora do Lobisomem 4,88
The Colorado Kid 5,00
Carrie 5,38
O Apanhador de Sonhos 5,71
A Incendiária 6,10
Celular 6,12
 Os Estranhos 6,16
Blaze 6,18
Dança Macabra 6,18
Rose Madder 6,28
Jogo Perigoso 6,34
A Auto-Estrada 6,60
Tudo é Eventual 6,68
Fúria 6,69
Buick 8 6,70
Os Justiceiros 6,72
The Girl who Loved Tom Gordon 6,80
Love 6,81
Ao Cair da Noite 6,91
A hora do Vampiro 6,91
A Maldição do Cigano 6,99
Os Olhos do Dragão 7,05
A Metade Negra 7,11
Eclipse Total 7,14
Saco de Ossos 7,39
Full Dark, No Stars 7,42
Zona Morta 7,43
Pesadelos e Paisagens Noturn. 1 7,54
Pesadelos e Paisagens Noturn. 2 7,54
Cão Raivoso 7,55
Desespero 7,57
Insônia 7,60
Depois da Meia Noite 7,81
Christine 7,83
Sombras da Noite 7,84
Duma Key 7,84
O Talismã 7,90
Casa Negra 7,93
Novembro de 63 8,00
Trocas Macabras 8,04
Tripulação de Esqueletos 8,06
Joyland 8,08
Angustia 8,14
O Iluminado 8,16
O Cemiterio 8,18
O Concorrente 8,20
Hearts in Atlantis 8,38
À Espera de um Milagre 8,42
On Writing 8,50
Sob a Redoma 8,56
Dança da Morte 8,68
A Torre Negra (All) 8,75
Quatro Estações 8,77
Longa Marcha 8,94
A Coisa 9,04

 

 

 

 

 

 

 

Colocadas as notas, vamos à algumas considerações a respeito da melhor ordem para ler os livros.

Ordem Cronológica

Ler na ordem cronológica elimina um grande problema para a maioria dos leitores. Assim garantiríamos uma leitura sem Spoilers! O problema é que, conforme nos mostram os resultados acima, os primeiros livros do King não são exatamente os favoritos dos leitores. Seu primeiro livro, Carrie, é considerado o terceiro pior de toda sua carreira, e os livros seguintes não são muito melhores. Salem/Hora do Vampiro tem nota 6,91 e Iluminado, o primeiro com uma nota boa, 8,16.

Se ainda ignorarmos Dança da Morte (que foi lançado originalmente em 1978, mas só foi lançado como conhecemos, sem cortes e com 500 páginas a mais em 1990), temos Zona Morta (7,43), Incendiaria (6,10) e Cão Raivoso (7,55). Fazenda uma média simples destes resultados temos um conjunto de livros com resultado médio de 6,92, valor muito distante da média geral de 7,34 ou da mediana de 7,54.

Ainda que muito bem sucedida na questão de eliminar spoilers, seguir a seqüência cronológica, no curto prazo, não é uma estratégia recomendável, ainda mais para iniciantes que talvez não estejam tão certos se gostam ou não de Stephen King.

Ordem “Do melhor pro pior”

Segundo essa ordem, leríamos A Coisa, A Longa Marcha, Quatro Estações, Dança da Morte e a Torre Negra. Caso ignorássemos A Torre Negra por hora, que será alvo de uma analise em separado, deveríamos adicionar Sob a Redoma e On Writing. Essa ordem apresenta dois grandes problemas: Um, a dificuldade em achar alguns dos livros e em segundo lugar, o tamanho dos livros aqui citados.

Ainda que alguns destes livros estejam atualmente sendo reeditados e relançados pela Suma das Letras, achar em algum lugar A Longa Marcha ou On Writing para ler é uma tarefa hercúlea.

A Longa Marcha, publicado originalmente no seu pseudônimo, Richard Bachman, foi lançado no Brasil como parte dos Livros de Bachman. Entretanto, após a proibição de qualquer reedição de Fúria após os ataques de Columbine, este livro nunca mais será lançado do mesmo modo. No Brasil já foram relançados, separadamente, Auto-Estrada e O Concorrente. Por algum motivo bizarro a melhor das 4 noveletas não possui livro próprio, deixando os fãs à mercê dos preços exorbitantes dos Livros de Bachman ou de edições pirateadas na internet.

On Writing, por sua vez, nunca foi traduzido (mas logo vem uma edição brasileira aí!). De qualquer modo, dificilmente será um livro que agradará a todos, por ser mais um livro técnico do que de ficção. Apenas o procure se estiver interessado no que ele tem a oferecer.

Agora a questão dos livros grande. A Coisa, Dança da Morte e Sob a Redoma são, os três juntos, os maiores livros que King já publicou em sua carreira. Se levarmos em conta as contagens oficiais americanas, estamos falando de mais de 3350 páginas. Quando comparamos isso com as 384 páginas de Longa Marcha, 450 de Iluminado ou 520 de Quatro Estações, talvez um leitor comum se assuste (e ele deve!). Ler os 3 livros em seqüência pode ser extremamente cansativo, e por isso recomendo que intercale com alguns outros livros do autor.

De qualquer modo, essa é uma ordem muito recomendável, e mesmo que o leitor escolha apenas dois ou três livros dos melhores ranqueados, com certeza não se decepcionará.

Outra boa noticia é que estes livros guardam pouca ou nenhuma relação com outros escritos antes deles. Isto é… No Spoilers!

A Torre Negra

Considerada pelo próprio autor como sua principal obra, a Torre Negra se estende por oito livros e alguns milhares de páginas. King diz que se sua obra literária é um sistema solar, a Torre Negra é seu Júpiter. Portanto, acho importante fazer algumas considerações a respeito de quando ler, quando perseverar e quais livros são “obrigatórios” para o completo entendimento da Torre.

Primeiramente, não: Você não precisa ter lido os 20 e poucos livros que contém referencias à Torre Negra para aproveitar o livro. Aos interessados, estes são todos os livros que possuem pelo menos alguma referência:

– Novembro de 63

– Hora do Vampiro

– Tripulação de Esqueletos

– Casa Negra

– Cujo

– Desespero

– Tudo é Eventual

– Olhos do Dragão

– Hearts in Atlantis

– Insônia

– A Coisa

– A Hora do Vampiro

– Os Justiceiros

– A Dança da Morte

E há quem inclua mais uns 10 livros nessa conta. Destes, vou falar dos que são realmente relevantes para a história, e não apenas contém uma ou outra referência.  Os livros são dois. Hora do Vampiro e Insônia. É complicado explicar o porquê deve-se ler estes livros antes sem dar spoilers, então apenas espero que o leitor confie no que aqui está escrito. De todo modo, caso ele queira adiar a leitura destes dois livros o máximo possível, não é preciso ter lido Hora do Vampiro antes do livro 4 da Torre, assim como não é preciso ter lido Insônia antes do livro 7 (ainda que este último explique muito da mitologia da Torre).

Os livros de Bachman

Não são todos que sabem, mas durante uma época de sua vida, Stephen King publicou alguns livros sob o pseudônimo de Richard Bachman. No prefácio “Por que fui Richard Bachman” ele explicou suas motivações. Após alcançar o sucesso, ele ficou com medo que seus livros continuassem a vender apenas por inércia da fama, e decidiu testar sua qualidade de escrita com um pseudônimo. Até ser finalmente descoberto por um fã, King lançou 5 livros como Bachman, e mais 2 após a revelação. São eles: Fúria, A Longa Marcha, Auto-Estrada, O Concorrente e A Maldição do Cigano. Após ser “desmascarado”, King ainda lançou Blaze e Os Justiceiros.

De modo geral, os livros lançados sob este pseudônimo não foram bem avaliados, obtendo média de 7,26. Destaque para o “ponto fora da curva”, A Longa Marcha, que obteve a segunda melhor média geral, com 8,94.

Correlação Tamanho x Satisfação

Embora muitos digam o contrário, tamanho é documento sim! Bom, pelo menos quando falamos de livros do King. Se fizermos um comparativo da nota média dos 10 maiores livros do autor com seus 10 menores livros, temos o seguinte resultado:

Os 10 maiores – 7,91

Os 10 menores – 6,74

Por isso, mesmo que na hora bata certa preguiça, opte pelo livro maior do King.

Conclusão

            De todo modo, este documento é apenas algo criado com o intuito de auxiliar novos leitores do autor, e não espera ser uma lista definitiva de qualidade dos livros. Não precisa ficar bravo caso seu livro favorito esteja com a nota lá embaixo. Divergências de notas gritantes apareceram em praticamente todos os livros aqui citados, e de modo algum espero criar algum consenso.

            No mais, deixo aqui minha promessa de que, em um futuro próximo, complementarei este documento com uma análise pormenorizada de relações inter-livros do King (as quais já podem ser achadas, de forma resumida, em imagens na internet), a fim de auxiliar os leitores à fugirem de spoilers. Assim que esta lista se torne desatualizada, voltarei a colher opiniões de diversos leitores. Espero poder contar com a sua ajuda também.

Obrigado.

José Augusto Panzarin

Ps: Segue o link do arquivo em PDF com o texto do Zé para quem preferir este formato

Edilton Nunes

Edilton Nunes

Graduado em Letras pela UEG (Universidade Estadual de Goiás), viciado em literatura de terror/suspense, amante incondicional de séries e Hq´s e fã de carteirinha do mestre Steve há pelo menos 20 anos.

More Posts - Website - Twitter

You can skip to the end and leave a response. Pinging is currently not allowed.

46 Responses to “Stephen King: Quais livros ler?”

  1. Cezar disse:

    Muito boa a lista! =D!

  2. Lucas Araújo disse:

    Gente, só eu que não acho Carrie tão ruim assim? :v

  3. RafaeL disse:

    Nunca fui muito fã de Carrie. Mas fiquei curioso sobre o livro “A Longa Marcha”.Nunca tinha ouvido falar. Mas pra mim, O Cemitério é o melhor livro o King, e um dos melhores que eu já li em toda minha vida.

  4. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    O cemitério é realmente ótimo. Um dos mais tensos dele.

  5. RafaeL disse:

    Comecei a ler “A Torre Negra”. Confesso que não estou muito animado, o começo é arrastado, e não empolga muito. Pensei e ler A Coisa, mas resolvi ler logo a serie da Torre, pois dizem que é muito boa. Mas qual é melhor, A Coisa ou a Torre ?

  6. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Realmente, o primeiro livro para alguns pode ser um exercício de paciência, porque é bem diferente das aventuras de fantasia que estamos acostumados. Ele é mais filosófico (falei um pouco sobre ele no post “a história da torre negra”), mas depois de reler eu gostei bastante, porque você pega muitas referências de coisas que só vão acontecer no último livro.

  7. RafaeL disse:

    Mas será que a torre é melhor que a coisa?

  8. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Depende… Eu gosto muito, então achei melhor. Mas para muitos IT é inquestionavelmente o melhor dele.

  9. RafaeL disse:

    Entendi… Vou terminar a torre então, para depois ler o It… Obrigado pelas respostas, Edilton !
    Acho que eu to meio desanimado com esse livro da torre porque acabei de ler Sob a Redoma, e é uma Hisotoria que te prende, cheia de emoção e reviravoltas… Diferente do primeiro livro da torre, que eu achei que fosse mais animado. Mas comecei a ler o segundo hoje, A Escolha dos Três. Vamos ver se eu me animo mais com esse. Abraço cara !

  10. Caroline disse:

    Olá! Muito legal a lista e as explicações, gostei dos colocados mas com certeza deixaria a torre negra em segundo lugar, e em terceiro a dança da morte.
    Confesso que não conhecia esse “A Longa Marcha”, mas logo já baixei e li em dois dias hahah é curtinho.
    Agora, faz tempo que tenho uma percepção sobre o Stephen King e após ler a longa marcha essa se intensificou: na minha opinião ele tem dificuldades com os finais dos livros, alguém já reparou nisso? Quero dizer, eu achei A longa marcha uma história muito boa, dá vontade de você ficar lendo o dia todo, porque fica curioso e quer saber o final, ai chega o final e ele narra as ultimas cenas em uma página hahahah
    Não que eu ache que isso estrague os livros, mas já reparei isso em outras obras dele (também já li pelo menos 25) as vezes ele se estende durante todo o desenrolar da história, mas quando vai chegando ao final, o livro termina abruptamente. No caso de A longa marcha até parece que ele escreveu e ficou faltando pelo menos uns três parágrafos hahah
    Eu realmente amo o King e ele é com certeza um dos meus autores prediletos, além de que o considero um dos escritores mais geniais, quase todos os livros que li dele eu gostei na lata, mas alguns dos finais sempre me deixam com uma sensação de: “sério que é só isso?” hahah alguém compartilha dessa opinião ou já se sentiu assim? s vezes imagino que ele gosta muito mais de contar a história do que por um fim nela 😛

  11. Eu tenho essa lista favoritada porque é uma coisa muito bem feita.
    Eu me considero fã do King. Tipo, grande fã. E mesmo adorando o que já li do cara, me liguei que ainda não li NENHUM do top 10! E to achando isso ótimo porque significa que tenho só coisa melhor por vir. Lerei em breve O Concorrente que tem uma premissa foda e sempre quis ler A Longa Marcha mas nunca tive o livro.

    Otimo trabalho, parabens.

  12. ronaldo basttos disse:

    Seria interessante mencionar que o “ANGUSTIA” foi renomeado Misery-Louca obsessão pela editora SUMA DAS LETRAS (o filme baseado no filme tinha este título).

  13. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Que bom que gostou Wallace. Eu gostei bastante do concorrente, apesar de não ser meu bachman book preferido (“Blaze” ainda está no topo da lista)

  14. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Muitos fãs reclamam dos finais dele rs. Ele realmente tem uma certa dificuldade, porque segundo ele (e nesse ponto eu tenho que concordar) mais vale a jornada do que o destino, mas ultimamente eu tenho gostado dos finais dos livros mais recentes, principalmente os de Joyland e Novembro de 63.

  15. Flávia Teixeira disse:

    Excelente post. Ajudou bastante na organização da minha leitura. Atualmente estou nas páginas finais de “A Coisa”, realmente é muito bom, não dá para parar de ler, mesmo sendo tão extenso.

  16. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Acho que os melhores livros dele são os mais extensos. Não sei como explicar, mas acho que ele sabe quando a história está empolgante e continua por páginas e mais páginas rs. Foi assim com Sob a Redoma, A Coisa e Dança a Morte. Que bom que o postou te ajudou a organizar a leitura Flávia. Obrigado pela visita. Abraço!

  17. Roberto Minnicelli disse:

    Boa noite, pessoal!

    Em que posição vocês colocariam os livros Dr. Sono e Revival(caso alguém já o tenha lido)?

    Abs

  18. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Boa pergunta Roberto. Eu já li, mas ainda não parei para pensar nisso rs.

  19. Alvaro Caxone disse:

    Comecei a ler pelo primeiro livro da Torre Negra e foi uma leitura complicada na época, eu devia ter uns 12 anos. Depois tentei o Iluminado, que achei melhor, mas ainda assim não me agradou muito, dei mais uma chance como segundo da torre negra, mas só vim a gostar mesmo do autor após o terceiro. Pela minha experiencia não recomendo começar pela torre. Se a pessoa já gostar de ler e não tiver medo de livros grossos melhor começar pelos tijolos como Dança da morte e It, que são os melhores. Já quem não está acostumado a livros grossos uma boa é começar pelos livros que tiveram adaptações famosas como Carrie, o Iluminado , À espera de um milagre, O Cemitério, Misery…Há também os livros de contos para os que gostam desse formato, eu não sou muito fã, mas gostei de as quatro estações , por trazer um formato diferente, cm apenas quatro contos maiores. Recentemente comprei o Full Dark No Stars que ainda não li mas parece seguir uma linha parecida.E sobre os livros com ligação com a torre engra, o único que eu li antes de terminar a série foi os olhos do dragão, e pra mim não fez muita diferença não ler os outros. Sobre os dois que falaram serem indispensáveis, A hora do vampiro eles fazem um resumão no meio da história sobre oque acontece nesse livro e isso pra mim fcou de bom tamanho, já insonia serve como um complemento sobre o vilã da série e um outro personagem que também aparece no ultimo livro, mas no geral da pra ler de boa.

  20. alexandre disse:

    Ainda não li livros dele! Vou ler a Torre Negra para começar!

  21. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Acho que não seria uma boa pedida pra começar Alexandre. Recomendo outros livros como O cemitério ou O iluminado. Abraço!

  22. Andrea disse:

    O último livro que li foi Joyland. Maravilhoso, envolvente com um fim meio triste mas me agradou ler. Gostei muito.

  23. Denise disse:

    Puxa! Encontrei oq procurava para me decidir por onde começar… O iluminado!

  24. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Ótima escolha Denise. Um dos melhores!

  25. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Também gostei bastante de Joyland Andrea!

  26. Lucia disse:

    Muito bom saber que não sou a única a achar os finais meio esquisitos. Às vezes dá a impressão de que ele se cansou, perdeu o pique e resolver terminar de uma vez para partir para outra. Acho o Apanhador de Sonhos o maior exemplo do final chinfrim… Mas 11/22/63 foi sensacional do início ao fim! 🙂

  27. Escritor brilhante, não sei se há igual no Brasil!

  28. Escritor muito acima da média, deve ter sido um aluno brilhante. Alguma garota quer bater papo comigo sobre os livros? JCS.

  29. Escritor muito acima da média, deve ter sido um aluno brilhante. Alguma garota quer bater papo comigo sobre os livros? JCS.Posso conversar com Lucia?

  30. Rogério Moraes disse:

    Texto muito legal, principalmente para os viciados em listas, como eu. Descordo de várias posições, mas isso é natural, Só gostaria de expressar minha discordância, bem pessoal no caso, com a colocação de dois clássicos da primeira fase do King: A Zona Morta e A Hora do Vampiro. O primeiro coloco tranquilamente no meu top 5 do autor, uma obra-prima da paranoia política. Já o segundo é uma ótima modernização do Drácula, com aquela cidadezinha e seus mistérios, bem estilo soap opera, algo que o Lynch faria uma década depois com Twin Peaks.

  31. Rogério Moraes disse:

    Quanto ao melhor início, depende. Para quem deseja terror, acredito que O Cemitério e A Hora do Vampiro são ótimas pedidas. Já o horror mais psicológico, Misery e Iluminado. Outra boa pedida é O Corredor da Morte (À Espera de um Milagre), que o une horror, fantasia e o lado mais dramático e nostálgico do autor, que é muito presente nas suas novelas, principalmente as do Quatro Estações.

  32. Flavio Santos disse:

    Parabéns pela matéria, servirá como parâmetro para a escolha das próximas obras que irei ler. Gostei muito de “A Hora do Vampiro”, embora ela tenha ficado com menos de 7,0 pontos e ainda tenho que retomar “Sob a Redoma”, abandonado pela metade. Assim é Stephen King, polêmico! Abraços.
    Flavio Santos

  33. Luís disse:

    Doctor sleep não está na lista? Achei o livro fantástico, me tirou lágrimas em um certo momento. Até agora só li a série da Torre mais o livro mencionado acima mais Escuridão total sem estrelas, O iluminado e It, mas, com certeza, a sequência de O iluminado para mim foi melhor que Escuridão total sem estrelas que aparece relativamente bem colocada.
    No mais gostei muito do post e certamente me norteará na escolha dos próximos livros que vou ler.

  34. Rita Neves disse:

    Ótimo post! Meu livro favorito está lá no fim da lista – Love. Estou no terceiro livro da Torre Negra e adoro! Mas foi bom saber que preciso ler Hora do Vampiro e Insônia antes de continuar!

  35. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Quando foi feita a pesquisa o livro ainda não tinha sido lançado Luis. Obrigado pela visita!

  36. Soraya disse:

    Opa! Essa lista foi muito útil mesmo! Eu tenho o nada modesto projeto de ler tudo que puder do King, porque os 7 livros que li até agora foram simplesmente ótimos!
    Ótimo post! E obrigada por escrevê-lo! 😀

  37. pablo disse:

    Eu já li muitos do king, mas nao concordo com o mais votado. Eu li as 1000 paginas do it-a coisa em 23 dias, e concordo que é uma leitura muito boa, sem você perceber ele vai aterrorizando teu psicológico aos poucos a ponto de te dar pesadelos. Mas sinceramente, sei que os finais do Stephen King as vezes deixa o cara com aquela sensação de que deveria ter mais algumas páginas. Nao vou dar spoilers, mas acho que o estoque de criatividade dele se esgotou nos últimos capítulos e me decepcionou. Mas, mesmo assim, não afetou em nada o fato de ele ser um dos maiores, se não o maior, escritor de suspense e terror que já existiu. Claro que ainda me faltam muitos autores para afirmar isso, mas sempre que fujo dos livros dele, acabo voltando e lendo outra obra dele. Mas nao vejo o it-a coisa como o melhor

  38. Marcio disse:

    Parabéns pelo site e pela lista, é uma ótima referência para aqueles que não sabem por onde começar. Desde criança sempre gostei dos filmes baseados nos livros do King, mas nunca havia me aventurado nos livros. Como sei que os filmes raramente representam os livros de forma justa quando não destorcem por completo, resolvi tirar isso à prova. Comprei “It” e mergulhei nas suas quase 1000 páginas e apesar de ainda achar o filme (mini série) de 1990 bom, o livro não tem comparação, é uma obra prima do terror. Agora comprei “Dança da Morte” influenciado por essa lista e pelos comentários no site, estou ansioso para começar a ler. Confesso que fiquei tentado em comprar o primeiro livro de “A Torre Negra” mas vou deixar para bem depois seguindo o conselho da maioria aqui apesar do filme estar sendo produzido e ser tentador querer ver o filme já tendo lido os livros. Mais uma vez parabéns pelo site e pela lista.

  39. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Dança da morte está na minha lista de melhores Márcio. Achei ele melhor do que IT, apesar de gostar muito de ambos. Boa leitura!

  40. Iwas disse:

    O filme “Um Sonho de Liberdade” é baseado em um livro dele não é? É um dos melhores filmes que já vi. Porque o livro não entrou na lista?Será que o livro não corresponde?

  41. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Na verdade, o livro está na lista sim Iwas. Acontece que o filme é baseado em um dos quatro contos do livro “Quatro Estações”. Mais precisamente no conto “Rita Hayworth e a Redenção de Shawshank”. Abraço e obrigado pela visita!

  42. Celestino disse:

    Já li Christine e Carrie e apesar de não está entre os melhores colocados gostei bastante. Comprei alguns devido as promocoes dessas semana e estou em dúvida em qual ler primeiro. Duma key, saco de ossos, quatro estações, insônia, tripulação de esqueletos, o iluminado, doutor do sono, zona morta e O cemitério. Qual desses vcs acham que te prende do início ao fim, e baseado nos que já li qual a sugestão do próximo independente de já ter comprado ou nao?

  43. Madalena disse:

    Meu primeiro livro do autor foi “Joyland”. Simplesmente porque achei interessante a capa. Não me arrependi. Adorei, fiquei fã e já comprei alguns. Adorei a lista, as opiniões e sugestões e pretendo segui-las. Um abraço.

  44. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Que bom que gostou Madalena. Dos mais recentes, um dos que mais gostei foi Joyland também. Abraço e volte sempre!

  45. Edilton Nunes Edilton Nunes disse:

    Olha, eu gostei muito de Dr. Sono. Outro que me prendeu do início ao fim foi Achados e Perdidos.

  46. Ricardo disse:

    Comecei com O Pistoleiro, realmente foi uma leitura meio arrastada, já de A Escolha dos Três gostei bastante. Dos livros da Torre parei por aí pois peguei os dois primeiros emprestados, mas pretendo comprar o box ainda esse ano.
    Depois li Desespero e Os Justiceiros, gostei bastante. Aí veio A Dança da Morte, que é meu livro preferido.
    Atualmente estou lendo A Hora do Lobisomem e tenho mais alguns esperando na estante para serem lidos (O Iluminado, Doutor Sono, It, Cujo, Quatro Estações, O Cemitério e Joyland).

Deixe seu comentário